2 de abr de 2010

Clown Exposure: Lava



Há uma frase onde diz que o demônio está nos detalhes. Para a foto dessa semana, "Lava", o percussionista do Slipknot e fotógrafo aventureiro, Shawn "Clown" Crahan, dá um zoom em uma atraente moça em vermelho para uma perspectiva alternada de vida. Focando em seu olho como o ponto central, ele cria uma imagem que vai mais além de misteriosa e mágica do que teria sido se moldado a cabeça inteira dela, deixando sozinho seu corpo inteiro.

Embora o quadro seja claramente de uma mulher jovem, a apresentação é quase abstrata. A ponte de seu nariz parece espremida ou aplainada em um redutor de velocidade, e parece ser um rebento enigmático cutucando ou incendiando no canto do seu olho esquerdo. Há também os cabelos vermelhos ígneos ou faíscas que poderiam estar transformando ou consumindo sua carne. Veja a figura, e então leia o que Clown tem em mente.




"Eu fico obcecado em sair e criar conceitos e fotografar pessoas que querem ser fotografadas, e de vez em quando eu tenho sorte o suficiente para pegar pessoas realmente boas que conceituam a arte do jeito que eu faço e querem participar do jeito que eu quero. Essa foto não foi criada até que nós levamos o tempo para fazê-la. Ela decidiu ir de verdade com isso e com a maquiagem e fazer algo realmente divertido. Se ela não estivesse disposta a fazer aquilo, não haveria foto alguma.

"Essa é muito importante pra mim porque eu estava fotografando o assunto inteiro, mas nessa imagem em particular eu fui direto ao olho e eu quase eliminei os cabelos vermelhos e as faíscas. Eu fui diretamente à pessoa por um momento e senti que nós estávamos conectados naquele momento em nossa criação de arte viva. E isso pode ter sito apenas por um segundo, mas vamos dizer que eu tirei 1000 fotos aquele dia. Essa é a que as massas terão.

"Enquanto eu estava fotografando essa, eu estava relembrando a mim mesmo para prestar atenção no que estava acontecendo em minha mente mais tarde, quando é a hora da comunhão, eu estarei apto a trazer isso tudo pra fora. E nesse momento, todas as estrelas estarão alinhadas para nós. Você desenha dentro daquele olho e você gira ao redor das faíscas e então você é levado diretamente a esse quadro com esses cabelos amarrados a direita. E você é trazido ao redor da pintura e tem esses cabelos desfocados, e então você começa tudo de novo.

"Essa é a lava. Há algo lá que é bonito, mas não necessariamente algo em que você tenha que mergulhar profundamente. Está tudo no olho."


Fonte: Noisecreep

Nenhum comentário: