7 de fev de 2008

Curiosidades

- Mick quebrou sua guitarra durante a gravação do Iowa.
- O Slipknot comprou os direitos dos números: 742671000027
- Os antigos dreads da máscara de Corey era do seu próprio cabelo, porém, ele decidiu substituir por cordas.
- "Snap" é uma música rara do Slipknot, e foi gravada em uma fita cassete. Era uma gravação demo, para mandar para as gravadoras. Ela foi gravada em 1996.
- "Carve" era uma música do Slipknot de fundo do www.slipknot2.com, estava entre 1999 e o começo de 2000. "Carve" é um dos demos que o Slipknot nunca lançou. No vocal estavam Corey e Anders, Craig no sintetizador, Josh na guitarra, Joey na bateria, Paul no baixo e Shawn na percussão.
- O sampler que Craig utilizou para a intro do álbum "Slipknot" (742671000027), foi tirado de um documentário sobre Charles Manson.
- Quando saiu o CD "Iowa", Corey foi até uma tenda para comprar.
- Joey quebrou 5 pares de baquetas durante a gravação de "People=Shit".
- A foto da frente do álbum "Slipknot" foi tirada na garagem dos pais de Shawn.
- A banda fez seus primeiros shows no "Safári Club" ao lado de uma Igreja chamada "Mundo de Cristo".
- O primeiro álbum oficial da banda, "Slipknot" vendeu cerca de 40.000 cópias logo em sua primeira semana de lançamento, talvez porque o Slipknot tenha sido chamado para tocar no OzzFest 2000.
- O Slipknot dedicou o álbum a um amigo de Paul e Corey, que tinha morrido no mesmo ano do lançamento do disco.
- Antes de entrar nos shows, Shawn vomitava com Joey.
- O Slipknot tocou uma vez com o nome "Meld" antes de muda-lo.
- Nos primeiros shows, apenas Shawn e Anders usavam máscaras, apesar que Joey nega: "Não era apenas eles que usavam máscaras, e sim todos nós."
- Quando ensaiavam na casa de Anders, não havia lugar para Craig entrar na sala, então ele tocava na lavanderia. As paredes da sala eram cobertas por tapetes.
- Durante a gravação do primeiro disco, Joey gravou uma música totalmente nu.
- O produtor Sean McMahon foi a um ensaio do grupo antes de lançarem seu primeiro disco, e ele achou parecido com Sepultura.
- O vídeo "Duality" custou cerca de meio milhão de dólares.

Nenhum comentário: